March 07, 2008

Putz, por incrível que pareça ainda falta falar sobre alguns filmes do mês passado. Até já saíram de cartaz, imagino.

(oh não, lá vai ela de novo - groan, groan, groan)

"The Mist" é uma adaptação de um livro do Stephen King. E como tal, fornece umas boas duas horinhas de entretenimento : basicamente, tentáculos e insetos gigantes surgem de uma neblina misteriosa que cobre uma cidadezinha do interior. Um grupo de pessoas fica preso no supermercado local, e o medo começa a dominar.

O diretor, Frank Darabont, é velho conhecido - dirigiu "The Green Mile" e "The Shawshank Redemption", ambos também obras de King. Os efeitos são bem bons, e se a atuação do elenco não é uniforme, pelo menos é decente. E boa. As mortes são horrendas e o clima de tensão é perene. Mas o principal mesmo é mostrar que, mais do que monstros sanguinários, o ser humano é o mais terrível de todas as pragas a assolar a Terra.

(e não é?)

Percebi que outro tema fundamental é a fé, em várias formas : a fé cega, a fé filial, a fé no próximo e finalmente, a perda da fé. Que leva ao abismo. Foi certamente a questão mais interessante e principal do filme, e me fez pensar durante todo o caminho de volta pra casa. Mas é o que todo mundo já sabe : sem confiança, seguir vivendo é difícil.

2 comments:

Cris A. said...

Estava pensando outro dia... Seria bem mais se o Stephen King fosse roteirista de cinema. Preconceitos à parte, é claro. :P (Só que daí a renda dele iria diminuir bastante e ele teria que entrar em greve, mas mesmo assim.)

Beth Blue said...

Lá vem ela de novo que nada! Se tem alguém se sabe escrever uma resenha de filme decente é você, rsrsrsr. Eu só dou minha visão subjetiva e quem gostar da dica, que confira!

Assisti The Mist no cinema com o F., é que ele não perde um Stephen King e eu acabei sendo arrastada num desses fins-de-semana. E sim, a questão da fé realmente é o principal eixo do filme. Food for thought!