March 14, 2009

Achei que "Walled In" fosse ser muito, muito ruim. Mas é razoável até. Claro, não ajuda ser estrelado pela Mischa Barton, que é muito muito ruim, com um papel pior ainda. E o roteiro apelar pra uns clichês horríveis. Mas é assistível, e a idéia é legal : arquiteto louco e genial acredita que enterrar pessoas vivas nas fundações dos seus prédios lhes atribui uma força mágica. Se essa idéia fosse plenamente aproveitada por esse ângulo, teria sido do caralho. Mas acaba virando uma história de adolescente problemático apaixonado, o que no meu caderninho = blé. Todas as possibilidades legais do filme se evaporam no meio do caminho - cadê as vozes que atormentam a engenheira responsável pela demolição do prédio? Aparecem uma vez e somem. Enfim, vai do nada pra lugar nenhum.

2 comments:

Beth Blue said...

Tem selo fofo pra você lá no meu blog :-)

Gal said...

A premissa era boa... Mas Mischa Barton... Rola não.

Beijos e namarië