January 15, 2009

Ai. Será que eu ainda lembro de tudo? Vamos por partes.

Ontem fomos ao Tapas Club. Adoreeeeei o lugar, exatamente o tipo de clubinho que eu gosto : nem minúsculo, nem enorme, déco retrô, perto de casa e sons bacanas. E, como diz o nome da festa, gente bonita. Rafa e Danilo arrasaram no lounge, Matias e Kalatalo na pista, e o Play&Pause perdi porque cheguei tarde. Fuén.
Mas percebi o quanto senti falta disso : chegar num lugar legal, encontrar um monte de gente conhecida, abracinhos e conversinhas bestas, dançar ou só observar o movimento e se divertir do mesmo jeito.

Outro lugar que achei ótimo foi o Drops : um casarão lindo, por dentro e por fora, com vários ambientes e loungezinhos. Chegamos tarde ao Baile Rakasa do simpático Pattoli e já não estava rolando mais nada, mas por outro lado foi bom porque deu pra ver a casa quase vazia. Não sei como é nas outras noites, mas pra uma festa particular o lugar é perfeito.

Conheci também a Livraria da Esquina, que não é bem uma livraria, e também não é bem na esquina. Bar/centro cultural/espaço pra shows seria algo mais preciso, com um ar de Vila Madalena do final dos anos 80. Fomos ver o quarteto de improvisação Takara/Mazurek/Rohrer/Barella, lançamento do CD “Projections of a Seven Foot Ghost”, foi classe. Pela agenda da casa, há atrações para todos os gostos.

2 comments:

juliana alves said...

tb amei o tapas.
e dei uma festa particular de aniversário pra uma amiga no drops naquela mesma semana.
foi um sucesso.
sem dúvida meu novo lugar preferido na cidade.
quinta nos vemos lá?

Annix said...

certamente! :-**