February 24, 2009


Então, "Milk" é o melhor filme produzido em 2008, hein? Ou um dos melhores, vai.

Tive vontade de dar um beijo na bochecha do Sean Penn, do Van Sant e de todo mundo que participou, hahaha. De gratidão pura por um trabalho tão foda, e tão relevante.

E Harvey Milk merece ser conhecido pelo mundo todo. Se ele vivesse nesta nossa época, imagino que miséria ele não faria na cabeça dos conservadores/fanáticos religiosos/bigots em geral, com a ajuda da internet. Toda aquela energia e garra inspiraria gente muito além do Castro, muito além da Califórnia, muito além dos Estados Unidos. Enfim. A gente lamenta, mas não desiste.

(e tenho que concordar com ele na questão da visibilidade. Há que se falar alto pra ser ouvido, às vezes)



...ok, eu não vou resistir. Apesar de tudo, tenho que criticar UMA coisinha. Pra que aquela cena ao telefone, antes do atentado? Sappy, emo e apelação. Não precisava.

4 comments:

lisa said...

se fosse eu, daria um beijo [ na boca ] do emile hirsch e um [ no rosto ] do gus van sant. :)

conseguiu ver o "il y a longtemps que je t'aime"?

beijocas!

Gal said...

hahaha
OK, daria um beijo na boca do Hirsch também, e na boca do James Franco.
Mas Sean Penn ganharia um também.
O filme é um dos melhores de 2008 mesmo.
E, sim, concordo com tudo o que você escreveu! Algumas vezes precisamos falar alto mesmo!

Beijos e namarië

Beth Blue said...

Só ouvi críticas boas para este filme, curiosa pra conferir!

Cris A. said...

Vi hoje, muito muito bom! Um assunto atual e importante como esse tem que ser levantado sempre.

(Concordo com o negócio da apelação também. Tem gente que não sai satisfeita do cinema se não chora, haha)